Portugués | English | Español | Русский (russian) | Deutsch | Italiano | Français | Все новости |
 
roni
Биография * PokerStars * Последние фото * CHAT * * Ссылки * Баннеры * Вэбмастер
Новости
Календарь

Пн Вт Ср Чт Пт Сб Вс
 1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30     
This day in history of Ronaldo

2003

RONALDO: "LA JUVE SERA EL RIVAL A BATIR"

Hierro, con faringoamigdalitis aguda, no se entreno; Helguera trabajo en el gimnasio

Локомотив - Реал. Рональдо дарит четвертьфинал

СЕГОДНЯ САМЫЙ НАИСЧАСТЛИВЕЙШИЙ ДЕНЬ В ЖИЗНИ НАШЕГО САЙТА!!!

2004

ATHLETIC DE BILBAO 4:2 REAL MADRID. Full time

Real joga muito mal e perde para o Athletic Bilbao

SAN MAMÉS MIDE LA CRISIS GALÁCTICA

El Real Madrid apela por pago extra de transferencia Ronaldo

4-2: El Athletic le pone emoción a la Liga

EL DEDO EN LA LLAGA

SIN FUERZA Y SIN BANQUILLO

REACCIONES DE LOS PROTAGONISTAS

EL PECADO DE QUEIROZ

"Дело Солари" закончится в Арбитражном суде

"Атлетик" - "Реал Мадрид" 4:2. Статистика матча

«Атлетик» ставит «Реал» на колени

Грех Кейроша

Real appeal over extra Ronaldo transfer fee

Four-goal Bilbao stun mighty Real

2005

"Real Madrid" 1:0 "Malaga". Full time!

Deportivo 0 - Barcelona 1

Real Madrid recebe Málaga pressionado

Roberto Carlos salva Real Madrid

Deportivo 0 - Barcelona 1

BAIANO MARCÓ EL PENALTI MÁS LENTO DE LA HISTORIA

Real Madrid - Málaga: MORBO EN EL BERNABÉU

ANTE EL REGRESO DEL MADRID AL BERNABéU

LAS CLAVES DEL ENCUENTRO

FICHA TÉCNICA

UN ESPEJISMO EN EL DESIERTO

Luxemburgo y Tapia sobre el juego

1-0: Objetivo cumplido

UN GOL DE ROBERTO CARLOS MANTIENE CON VIDA AL REAL MADRID

Luxemburgo: "TAL Y COMO ESTÁBAMOS, EL 1-0 ME PARECE SUFICIENTE"

Pese al parón liguero, cuatro días de trabajo

Camino al titulo

29-й тур: статистика матчей

Пора показаться на "Бернабеу"

Реал 1:0 Малага. Статистики матча

«Реал» вяло догоняет

Deportivo 0 - Barcelona 1

STATISTICS

Madrid victory cuts lead of runaway leaders Barcelona

1-0: Mission accomplished

Real Madrid narrow gap on Barca to 11 points

2006

Ronaldinho: "Ronaldo será o melhor jogador da Copa"

CICINHO: "ME GUSTA MÁS JUGAR DE LATERAL"

SIEMPRE BRASIL

Real Madrid TV cumple 6 meses entre los 10 canales temáticos con más audiencia de España

Обзор матча 28-ого тура "Реал" - "Бетис"

2007

Ricardo Oliveira substitui Sobis na Seleção

CBF confirma jogo das Eliminatórias em Salvador

Ronaldo e Dida juram "fidelidade eterna" ao Milan

Ricardo Oliveira es convocado para los partidos de Brasil contra Chile y Ghana

BRASIL SE PREPARA PARA LA FIESTA DEL GOL 1.000 DE ROMARIO

Ronaldo `Il mio futuro e` rossonero`

2009

Роналдо на вечерней тренировке |Photos| Ronaldo. Treino da tarde

Фотографии церемонии презентации нового спонсора "Коринтианса". Fotos: Corinthians e Batavo oficializam acordo

Retrospecto de Corinthians x Santos

Ronaldo aconselha Neymar e diz: "Cuidado com todos"

Ronaldo não tem direito sobre acordo com a Batavo

Mano ensaia time com três atacantes para o clássico

Ronaldo é o Pelé dos tempos modernos, diz Neymar

Ronaldo avisa que será difícil jogar clássico todo

Ronaldo ganha mais uma música

Роналдо предупреждает

2010

Фото: Роналдо на собственной утренней тренировке | Ronaldo. Treino da manhã

Fim de jejum dá descanso a Ronaldo

Ronaldo e William não jogam domingo, e Timão pode ter até sete mudanças

Роналдо и Уильям не примут участье в воскрестном матче

2012

Бразильцев могут победить только бразильцы

Роналдо: Неймар может превзойти Месси, если начнёт играть в Европе

Partners




Яndex.direct

eXTReMe Tracker

Новости

13/06/2004
O Rio em dia de Olimpo, no topo do mundo

RIO - Um domingo de deuses e heróis, num Olimpo tropical. Coube a Daiane dos Santos, uma das maiores esperanças de medalha do Brasil nos jogos de Atenas, em agosto, e ao craque Ronaldo, símbolo da conquista do pentacampeonato da seleção brasileira, em 2002, encerrar com brilho a festa, de quase doze horas, da passagem da tocha olímpica pelo Rio de Janeiro. Uma festa que levou uma multidão às ruas e em que não faltou emoção: do público, que o tempo todo vibrou, aplaudiu e gritou os nomes de seus ídolos; e dos privilegiados condutores da chama sagrada, que exibiram orgulho e felicidade em sorrisos e acenos.

Num dos momentos mais marcantes, o ex-atleta Joaquim Cruz, medalha de ouro nas Olimpíadas de Los Angeles, em 1984, passou a tocha olímpica para a apresentadora Xuxa, no alto do Pão de Açúcar, e, como um óraculo, revelou:

- Xuxa, estamos no topo do mundo. Hoje, ninguém é mais alto do que nós - disse Joaquim Cruz.

Naquele instante, a chama olímpica conquistava sua cidadania carioca. Era o encontro de dois símbolos mundiais: a tocha olímpica e o Pão de Açúcar, marca registrada da cidade. Lá no alto, fotógrafos de todo o mundo registraram o encontro: a chama que veio de Atenas brilhou, com a Baía de Guanabara e o Cristo Redentor ao fundo.

Sem chuva e com muito calor humano

A festa das celebridades e do povo, abençoada pelo Redentor, ganhou também uma forcinha de São Pedro. A chuva, anunciada na véspera pela meteorologia, não deu as caras. Nada de água. Só o que molhou foram o suor e as lágrimas. Lágrimas como as dos heróis do boxe Acelino "Popó" Freitas, campeão mundial em duas categorias (pena e leve), e Éder Jofre, campeão mundial peso galo em 1960 e campeão mundial peso pena em 1973. Popó já chorava quando pegou a tocha na Rua Jardim Botânico, no trecho em frente ao Parque Lage. Éder Jofre também se emocionou ao conduzir o símbolo olímpico.

Emoção viveu também o coordenador técnico da seleção brasileira, Zagallo, que, já no Aterro do Flamengo, etapa final do trajeto da tocha, recebeu a chama olímpica do astro do vôlei, Giovane. Durante o trecho que lhe coube, Zagallo, o maior ganhador de Copas do Mundo da história do futebol, mandou beijos para o público e fez sinal com as mãos desenhando no ar um coração. Muito aplaudido, não conteve o choro.

- Zagallo, Zagallo, Zagallo - as pessoas gritavam, enquanto outras atiravam pétalas de rosa em seu caminho, como se cultuassem um Zeus vivo do futebol.

Zagallo entregou a chama ao craque Ronaldinho com um beijo. Opúblico delirou.

Era o ponto alto da segunda etapa do revezamento, iniciada por volta de 13h, depois de uma cerimônia no Palácio da Cidade, em que o prefeito Cesar Maia agradeceu ao povo carioca pela "bela demonstração de hospitalidade":

- Agradeço ao povo carioca por fazer desta festa um acontecimento inigualável.

Inigualável mesmo. Talvez por esse calor humano que o brasileiro sabe tão bem exibir. O tenista Gustavo Kuerten sentiu isso de perto. Um dos campeões de popularidade no revezamento, Guga foi ovacionado em seu percurso na Lagoa. As pessoas que acompanhavam o desfile gritavam o nome do tenista e teve até quem correu com caneta e bloco de papel para tentar um autógrafo.

A demonstração de popularidade foi tanta que, ao passar a tocha para o ex-judoca Rogério Sampaio, medalha de ouro nas Olimpíadas de Barcelona, em 1992, Guga foi cercado por uma multidão. Os carros de apoio que acompanhavam os condutores da tocha ficaram retidos e tiveram dificuldade para seguir Rogério Sampaio, de tanta gente que tentava abraçar Guga.

- Foi uma experiência para ficar marcada. São momentos de muita alegria, reconhecimento. O que mais fica marcado é o carinho. Fiquei muito emocionado. A galera acompanhando, vivenciando a passagem, foi bem gratificante. Amanhã com certeza todo mundo vai ter um dia muito mais feliz em função dessa passagem da tocha - disse o tricampeão de Roland Garros.

Em Ipanema, na orla eternizada pelos versos do poeta, a garota dourada do vôlei de praia Jaqueline Silva foi seguida por dezenas de ciclistas. O frio da areia vazia, sem sol, contrastava com a energia do asfalto ao lado. Os ex-jogadores de vôlei Bernard e Renan carregaram a chama acompanhados por flashes de máquinas fotográficas, bandeiras agitadas e gritos que saudavam o símbolo olímpico. Muita gente não se contentava em ver a tocha passar e corria ao lado dela, por alguns metros.

Mais à frente, em Copacabana, foi a vez da outra garota de ouro do vôlei de praia, Sandra Pires, parceira de Jaqueline na conquista do lugar mais alto do pódio nas Olimpíadas de Atlanta (1996). Acompanhada dos céus por sete aviões da Esquadrilha da Fumaça, que faziam acrobacias e davam rasantes sobre a praia, Sandra conduziu a tocha e a entregou ao presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), Carlos Arthur Nuzman. Depois de 9 horas de vôo desde a África do Sul e de acompanhar todo o percurso da tocha olímpica pelas ruas do Rio de Janeiro, Nuzman parecia cansado. Mas emocionado. Foi com a expressão feliz de quem saboreava o sucesso de um dia em que o Brasil se transformou no Olimpo que ele entregou ao capitão da seleção pentacampeã, Cafu, a chama de Atenas.

Fogo se apagou três vezes

O nadador Gustavo Borges fica sem ação ao perceber que sua tocha apagara - Foto: Fernando Maia Chama que não diminuiu o brilho da festa nem quando se apagou em pleno percurso. Por ironia dos deuses, em mãos de dois dos mais importantes nadadores da nossa história olímpica: Ricardo Prado, prata em Los Angeles (84), e Gustavo Borges, ganhador de três bronzes e uma prata em três olimpíadas. Com Ricardo, foi na Avenida Borges de Medeiros, na Lagoa. Com Gustavo, aconteceu ao receber a tocha das mãos da modelo Daniela Cicarelli, na orla de Copacabana, em frente à Praça do Lido. Na terceira vez em que a chama se apagou, foi com a rainha Xuxa.
Na festa "inigualável" a que o prefeito se referiu, foi do skatista Bob Burnquist o toque de improvisação e irreverência. Ele quebrou o protocolo ao conduzir o símbolo olímpico sobre um skate, com direito até a pequenas manobras sobre as rodinhas. Burnquist é o primeiro atleta na história do revezamento da tocha olímpica pelo mundo a usar um skate. A honra foi negada ao americano Tony Hawk, um dos ícones do esporte, na corrida de revezamento para as Olimpíadas de Inverno, em Salt Lake City, em 2002.

Coisas do Rio. Coisas desse nosso jeito especial de ser olímpico. Nesta segunda, a tocha segue para o México, em peregrinação até os jogos de Atenas. Sai, certamente, diferente do que chegou. Sai com mais calor.
globo on-line
Google
Google AdSense

Счетчики

IvPlaneta.RU

Яндекс.Метрика

//

Роналдо - 41 лет. Гражданство: Бразилия. - Двукратный чемпион мира - 1994, 2002; - Двукратный чемпион Испании - 2003, 2006.
Copyright 1997-2018 (c), Created and administrated by Amaurys Bruno Alfonso,
Designed and Powered by "Computer Plus", Ltd. por Amaurys Bruno Alfonso. В Интернете с 1997,
Созданно и администрировано Амаурисом Бруно Альфонсо, Дизайн и поддержка студии "Компьютер Плюс" и Амаурис Бруно Альфонсо
Придумано, создано и ведется в городе Родники Ивановской области!
Другие новости Роналдо в Google...