Portugués | English | Español | Русский (russian) | Deutsch | Italiano | Français | Все новости |
 
roni
Биография * PokerStars * Последние фото * CHAT * * Ссылки * Баннеры * Вэбмастер
Новости
Календарь

Пн Вт Ср Чт Пт Сб Вс
 1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30     
This day in history of Ronaldo

2003

Fiesta madridista en El Prat, en el avión y en Barajas

«Барахас» встречает победителей!

2004

Roma 0:3 Real Madrid. Goal of Ronaldo. Full time. 1/8!!!

Video: All 3 goals of Real to Roma

Reputação em jogo

Noite de decisões

FICHA TÉCNICA: ROMA 0 X 3 REAL MADRID

Ronaldo marca, e Real segue na Liga dos Campeões

Real Madrid vence Roma com gols de Ronaldo e Figo

UN PARTIDO RARO Y LA TEMPORADA EN JUEGO

PARTIDO EN EL PURGATORIO ANTE UN ROMA DE SALDO

Noche de tensión en la última jornada

El prestigio del Madrid en juego

Incertidumbre hasta el final

Roma, 0; Real Madrid, 1: Al descanso en octavos

Ficha Tecnica

UN PASEO POR EL OLÍMPICO

RONALDO GANA UN ESPERPENTO DE PARTIDO

Ronaldo: "Nos vamos contentos: el objetivo está cumplido"

RONIE IMPERATOR

Матч в римском аду

Флорентино Перес: "Игроки настроены как никогда"

Угроза для великих

ОПРОС: Каков будет результат "Реала" сегодня?

Марио Загалло предложил увеличить матчи до двух часов

"Рома" - "Реал Мадрид" 0:3. Статистика матча

Madrid's reputation on the line

Tense times in Liverpool and Rome

AS Roma 0 Real Madrid 3 - result

Figo double steers Real into knockout stage

2005

Parreira e comissão técnica visitam hotéis na Alemanha

Em comunicado de despedida, Luxemburgo critica Real Madrid

Contundido, Ronaldo treina sozinho no Real Madrid

FLORENTINO SE ENREDA CON EL CUBO DE RUBIK

LÓPEZ CARO YA TIENE EQUIPO PARA MÁLAGA

Caro: "¡MÁXIMA VELOCIDAD Y MÁXIMA AGRESIVIDAD!"

LUXEMBURGO: "SIGO CONVENCIDO DE QUE HABRÍA GANADO LA LIGA"

RONALDO, CON PROBLEMAS MUSCULARES, SE EJERCITÓ EN SOLITARIO

Каро Лопес испытывает смешанные чувства

В Бразилии стартовала операция против агентов

Прощальное обращение Вандерлея Лушембурго

Ousted Luxemburgo criticises Real's lack of patience

2006

Presidente do Real elogia Ronaldo e Beckham

Ronaldo diz ter recuperado felicidade com gols

Ronaldo scores again and is great, not fat

Ronaldo: "CAPELLO ES MUY JUSTO, PERO A VECES DISCUTIMOS"

CAPELLO CREE QUE EL SEVILLA-REAL MADRID ESTÁ "AL CINCUENTA POR CIENTO"

LA FE EN EL RONALDISMO SIGUE VIVA

15 декабря "Реал" узнает соперника по 1/8 финала Лиги Чемпионов

Роналдо: "Капелло очень справедлив, тем ни менее, мне приходится с ним спорить"

Ronaldo scores again and is great, not fat

Ronaldo all out

'I'm great when I score, fat when I don't' - Ronaldo

2007

Бока не боится Милана

Роналдо вновь вне игры?

2009

Адриано и Тарделли составили лучший дуэт форвардов чемпионата Бразилии

2010

Ronaldo assume que está de 'saco cheio'

Partners




Яndex.direct

eXTReMe Tracker

Новости
 

27/09/2009
São Paulo e Corinthians empatam no Morumbi. E o Palmeiras agradece...


Timão sai na frente, com Ronaldo, e Tricolor empata, com Washington impedido. Alvinegro fica longe do título; rival é 3º
 
O empate por 1 a 1 entre São Paulo e Corinthians, na tarde deste domingo no Morumbi, não foi bom para nenhum dos dois. Pior: foi ótimo para o rival Palmeiras. O Timão, que já estava longe da briga, praticamente deu adeus a qualquer possibilidade de título, ao ficar em nono lugar, com 38 pontos, a 12 do líder Verdão. O Tricolor, que seguia na cola do Alviverde, foi a 45 pontos, mas caiu uma posição ao ser ultrapassado pelo Goiás e viu a diferença para a ponta da tabela subir de três para cinco. Ronaldo abriu o marcador, no primeiro tempo, e Washington, em posição irregular, empatou na etapa final.

Os holofotes estavam em cima dos camisas 10, Defederico e Hernanes. Sobre o argentino por ser sua estreia pelo Corinthians, e sobre o outro por retornar ao São Paulo após se recuperar de lesão no joelho direito. Porém, os protagonistas do clássico foram aqueles que vestem a 9: Ronaldo e Washington. Os dois balançaram as redes e se tornaram os responsáveis pelo empate por 1 a 1, no Morumbi, pela 26ª rodada do Brasileirão.

Diante dos objetivos de cada um, o resultado não foi nada satisfatório. Para o Timão pelo menos, ajudou a manter um tabu que dura desde 11 de fevereiro de 2007, data da última vitória do time do Morumbi sobre o rival. De lá para cá, as duas equipes duelaram oito vezes, com quatro empates e quatro triunfos do Corinthians.

Outro ponto a se destacar é o rótulo de carrasco do São Paulo que carrega Ronaldo. Especialmente quando joga no Morumbi. Neste ano, nos cincos clássicos entre as equipes, Ronaldo não perdeu nenhum. E mais: anotou dois gols no estádio do adversário. O primeiro deles na segunda semifinal do Campeonato Paulista.

CLASSIFICAÇÃO E PRÓXIMOS JOGOS: clique aqui e confira como está o campeonato

Em jogo isolado da 27ª rodada, o São Paulo volta a campo na quarta-feira, às 21h50m, para encarar o Náutico, no estádio dos Aflitos, no Recife. O Corinthians, por sua vez, recebe o Atlético-PR no sábado, às 18h30m, no Pacaembu, em São Paulo.

Ronaldo, o carrasco

O pré-jogo ficou agitado no Morumbi. O veto de Chicão foi confirmado, Richarlyson, escalado, Rogério Ceni virou desfalque ao sentir a coxa esquerda e o goleiro Felipe acabou impedido de aquecer no gramado. Com a bola rolando, os primeiros minutos mostraram um São Paulo mais ligado e um Corinthians tentando se achar em campo.

Ainda se adaptando ao futebol brasileiro, o estreante Matías Defederico foi recebido com um cartão de boas-vindas. Na cor amarela. Tudo por conta de uma entrada mais dura em Renato Silva, logo aos três minutos. Pouco depois, o Tricolor chegou ao ataque com perigo. Hernanes cruzou, e Jorge Wagner cabeceou para defesa de Felipe.

Após um período de marasmo no clássico, quem começou a aparecer aos 12 minutos foi o árbitro Ricardo Marques Ribeiro. E quando juiz ganha destaque, na maioria das vezes é negativamente. E assim ocorreu. Primeiro ele não viu falta clara de William em Richarlyson. Depois, uma entrada bastante dura de Renato Silva em Dentinho.

Aos 14, enfim, um lance que fez o torcedor se mexer na arquibancada. Depois de cobrança de escanteio de Marcinho, Paulo André apareceu bem para cabecear e obrigar Bosco a grande defesa. A resposta tricolor veio aos 16, com chute de Hernanes de fora da área, que passou à direita do gol defendido por Felipe.

Em tarde pouco inspirada, o árbitro voltou a dar seu show ao ignorar falta violenta de Renato Silva em Dentinho. O zagueiro são-paulino pisou no tornozelo do atacante corintiano. Após atendimento fora do gramado, o camisa 31 pediu para voltar, e Ricardo Marques Ribeiro autorizou. Justamente no momento de um passe para Jean.

O ala são-paulino estava de costas, não viu Dentinho e perdeu a bola. Pior para o Tricolor e ótimo para o Timão. Tudo porque André Dias e Bosco se atrapalharam na sequência. E vacilar na frente de Ronaldo é fatal. O camisa 3 dos anfitriões tentou recuar, o goleiro não pegou, e o Fenômeno, sem marcação, abriu o placar aos 20.

Foi então que o clássico ficou quente mesmo. Até o fim do primeiro tempo, teve bola na trave de Hernanes, aos 25, impedimentos mal marcados de Dagoberto, aos 28, e de Ronaldo, aos 31, após lindo lance de Defederico em cima de Renato Silva, e provocações entre Junior Cesar e Jorge Henrique.

Reação tricolor

As duas equipes voltaram para o segundo tempo com as mesmas formações. O curioso é que o Corinthians esperou o São Paulo retornar ao gramado para decidir o que faria. Para isso, o técnico Mano Menezes deixou o auxiliar técnico Sidnei Lobo em campo para avisar como estaria o rival assim que subisse para o segundo tempo.

Embora não tenha mudado nada, o Tricolor iniciou a etapa complementar de maneira mais organizada. Apostando na troca de passes entre Dagoberto, Hernanes e Borges, os donos da casa tentavam chegar ao gol de empate, mas ao mesmo tempo o Timão tinha mais espaço para os contra-ataques. As defesas, porém, estavam bem postadas.

Aos 17 minutos, em uma das jogadas rápidas do Timão, o segundo gol saiu, mas não foi validado. Ronaldo ganhou de Renato Silva na corrida, e a bola sobrou para Dentinho marcar. Só que o árbitro entendeu falta do Fenômeno no zagueiro. Apesar do susto, o São Paulo tinha mais posse de bola. O problema era que não conseguia finalizar.

Perigo mesmo quem criava era o Corinthians. E sempre com Ronaldo. Aos 22 minutos, após vacilo de Richarlyson, o camisa 9 avançou livre até a grande área. Só não contava que o volante são-paulino se recuperaria para impedir o chute. Mais tarde, aos 25, a defesa alvinegra teve de engolir Washington. Impedido (26 centímetros à frente do último zagueiro corintiano), ele aproveitou bom cruzamento de Dagoberto e tocou na saída de Felipe: 1 a 1.

Depois do gol de empate do Tricolor, o Timão tentou ir para cima em busca da vitória, mas não obteve sucesso. Os donos da casa não desistiram também do triunfo, mas esbarraram na forte marcação do rival e também na falta de pontaria. O São Paulo ainda se complicaria aos 45, quando Washington levou o segundo amarelo, dessa vez por reclamação, e foi expulso.
 


29.09.2009 22:19 +0400
source
 

Google
Google AdSense

Счетчики

IvPlaneta.RU

Яндекс.Метрика

//

Роналдо - 41 лет. Гражданство: Бразилия. - Двукратный чемпион мира - 1994, 2002; - Двукратный чемпион Испании - 2003, 2006.
Copyright 1997-2018 (c), Created and administrated by Amaurys Bruno Alfonso,
Designed and Powered by "Computer Plus", Ltd. por Amaurys Bruno Alfonso. В Интернете с 1997,
Созданно и администрировано Амаурисом Бруно Альфонсо, Дизайн и поддержка студии "Компьютер Плюс" и Амаурис Бруно Альфонсо
Придумано, создано и ведется в городе Родники Ивановской области!
Другие новости Роналдо в Google...